Cinco PME portuguesas inovadoras recebem 50.000 euros cada

No âmbito da fase 1 do Instrumento PME do Programa Horizonte 2020, foram selecionadas para financiamento, no último período de apresentação de propostas, 184 pequenas e médias empresas (PME) de 28 países, entre os quais Portugal, totalizando 176 projetos e 8,8 milhões de euros de financiamento.

 

A fase 1 do Instrumento PME prevê um financiamento de 50.000 euros para os beneficiários de cada projeto, para suportar estudos de viabilidade de novos produtos que revolucionem o mercado. Os proponentes podem igualmente solicitar até três dias de orientação empresarial gratuita (coaching).

No âmbito da Enterprise Europe Network, o CEC-Câmara de Comércio e Indústria do Centro atua como Key Acount Manager ajudando os beneficiários de projetos do Instrumento PME a identificar os desafios que enfrentam, as suas necessidades de coaching e também a selecionar o coach.

As cinco empresas selecionadas em Portugal e que vão beneficiar do financiamento da fase 1 do Instrumento PME para estudos de viabilidade para novos produtos disruptivos são:

– RVE.SOL – Soluções de Energia Rural Lda., de Leiria, que pretende potenciar uma solução híbrida portátil para o fornecimento de energia e conversão de resíduos em energia (projeto KUDURA);

– AGROINSIDER, Lda, de Évora, uma PME apresentou um projeto (AgroRadar) que prevê a utilização de novos algoritmos e modelos para analisar os dados de observação da Terra no âmbito do programa Copernicus em benefício da agricultura de precisão.

– Ground Drone Unipessoal, do Funchal, que desenvolve um sistema robótico destinado a democratizar o controlo de movimento durante a realização de filmes e vídeos (projeto Ground Drone);

– InnoWave Technologies, S.A., de Lisboa, que aspira prestar a qualidade da experiência através do teste automatizado de dispositivos (projeto InnSpect loT); e

– SPAROS, Lda, de Olhão, que pretender desenvolver uma nova dieta de desmame destinada a otimizar o rendimento das larvas de camarão de piscicultura (projeto MYSIS).

Desde o lançamento do programa, a 1 de janeiro de 2014, foram selecionadas 2.024 PMEs no âmbito da fase 1 do Instrumento PME, das quais 54 são portuguesas. O Instrumento PME é executado através de um convite à apresentação de propostas com quatro datas-limite por ano, sendo o dia 15 de fevereiro de 2017 a  próxima data-limite para a fase 1.

 

 

Mais informações:

Instrumento PME – http://bit.ly/1BFSPjd

Serviços da Enterprise Europe Network de apoio às PME inovadoras – http://bit.ly/2hseGoK

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.